RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Quinta-feira, Abril 09, 2020

Vukcevic: «Tudo pelos adeptos»

MONTENEGRINO EXPLICA EXPLOSÃO APÓS GOLO AO FC PORTO

Simon Vukcevic arrebatou, em definitivo, os corações da massa adepta leonina. É certo que, a nível de eficácia, os primeiros meses do montenegrino têm sido bastante proveitosos – recuperou o instinto goleador revelado no Partizan e “adormecido” no Saturn, da Rússia –, mas, acima de tudo, espalha exibições cheias de raça e entrega quase raras num reforço estrangeiro (em ano de estreia) em Portugal.

E, com isso, colocou Alvalade a seus pés. Mas a relação de amor é correspondida por inteiro – a dedicatória do golo apontado frente ao FC Porto, carregada de espontaneidade, quis premiar todo o apoio recebido.

“Os adeptos do Sporting têm sofrido bastante ao longo da época e já mereciam mais uma alegria. No clássico, mesmo com uma grande desvantagem em relação ao líder FC Porto, proporcionaram grande espectáculo nas bancadas e, por sentir todo esse apoio e emoção por parte deles, decidi comemorar o golo com a bancada. Fui muito bem recebido e darei tudo pelos adeptos”, salientou o médio-ofensivo ao diário montenegrino “Vijesti”.

No que toca à recepção aos dragões, o internacional acrescentou outro factor de motivação que os lisboetas utilizaram para arrancar grande exibição – mostrar toda a qualidade do plantel leonino. “Foi um triunfo muito importante nesta fase da temporada. Quase ninguém acreditava que podíamos ganhar ao FC Porto, mas sempre disse que temos excelente equipa, muito talentosa. E não reforço isso agora, sempre foi a minha convicção! Perdemos alguns pontos nos últimos minutos mas apenas tivemos duas ou três partidas menos conseguidas. Por isso, estávamos motivados e acabámos por ter uma pontinha de sorte”, declarou Simon Vukcevic.

Um dos poucos encontros em que o esquerdino não alinhou foi, curiosamente, a Supertaça. O Sporting conquistou, em Leiria, o primeiro troféu da temporada, momento que o balcânico pretende ver repetido, pelo menos, mais uma vez.

“É importante alcançarmos uma grande série de vitórias, evitando empates como aqueles que tivemos. No campeonato, o objectivo é ficar nos lugares que dão acesso à Champions, e das três Taças queremos ganhar, no mínimo, uma. Sabemos que as mais importantes são a Taça UEFA e a Taça de Portugal mas… vamos lutar por todas”, frisou.

Por fim, o n.º 10 comentou a nova posição em campo: “Tenho alinhado mais como segundo avançado, tem corrido bem mas prefiro jogar como médio-ofensivo. Mas não há problema com isso”, explicou.

Fonte: record.pt

Data: 01/02/2008
Local: Jornal Record
Evento: Entrevista

Artigos relacionados

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

  Subscreva  
Notify of