RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Domingo, Fevereiro 28, 2021

Como vê a abordagem da imprensa a esta administração em comparação com mandatos anteriores?

Numa altura em que se verifica uma quase total ausência de actualidade desportiva, fruto da pandemia de covid-19, o Rugido Verde avança com uma iniciativa diferente e original, colocar questões aos nossos diversos autores, as quais serão respondidas com as suas opiniões, sem filtro.

Posteriormente a iniciativa será alargada ao nosso público pelo que podem desde já deixar as vossas respostas no solta um rugido.

5k1walker

A imprensa está muito mais amigável. Favores têm de ser pagos.

LCustodio

Nunca presenciei um imprensa tão amiga do clube ao longo da sua história, há favores que estão a ser pagos.

Cristóvão Braz Janela

Esta direção conseguiu conquistar a imprensa como nenhuma outra. Em cooperação e ação coordenada conseguem produzir uma quantidade industrial de gelados para serem consumidos de forma não-tradicional através da parte ântero-superior da cabeça, compreendida entre os olhos e a região do cabelo. 

Peyroteo

Nunca uma direcção do Sporting teve tão boa imprensa como esta. Por um lado existem avenças. Por outro está direcção mantém o clube numa condição que agrada a todos os agentes políticos e desportivos do país.

Green Arrow

Foi como passar do dia para a noite, mas é fácil perceber porquê. A bondade com que a imprensa trata o Sporting é inversamente proporcional ao sucesso do Clube.

Quando somos uma ameaça aos poderes instalados, ou estamos na mó de cima em termos de resultados, é para matar. Quando estamos como agora, mansinhos, coniventes e derrotados, é para elogiar.

Vai além de personagens acarinhadas e odiadas, tem a ver com o Clube e com o sistema instalado, em que só há espaço para um clube todo-poderoso em Portugal – mesmo que se sustente isso com mentiras. Se Varandas virasse génio da gestão, e criasse um Sporting vencedor e poderoso, que não alinhasse em divisões de títulos, rapidamente a imprensa o abatia.

Nem é preciso isso acontecer, aliás. Basta que se decida, nos bastidores, que está na hora de outro filho pródigo tomar as rédeas da dinastia.

Sagui Leão

É ótima, o que, por si só, devia preocupar qualquer Sportinguista.

Riskos 1906

Para responder a esta questão teria de acreditar que existe imprensa e como o que vejo é um conjunto de grupos empresariais que publicam propaganda de acordo com as suas estratégias comerciais e interesses económicos, interesses esses fortemente condicionados pelas preferências clubísticas e políticas, tenho de concluir que a abordagem é aquilo que a administração quiser.

Hulk Verde

A imprensa está no bolso do sistema, Varandas está igualmente no bolso do sistema, e os seus bolsos vão ganhando, também eles, volume. Enquanto for assim, vão ser sempre muito amigos. A imprensa serve e o Varandas serve-se dela, enquanto servem outros.

Quando tiver que ser enxovalhado, será a imprensa a servir-se da sua imagem, como antes se serviu da de outros, manipulando o critério conforme interessa ou não ao sistema.

Leão Comuna

Claramente temos uma imprensa avençada e isso diz tudo. Varandas tem uma boa imprensa porque paga para a ter.

Green Floyd

Para a imprensa dos dias de hoje o Sporting vive um autêntico cenário cor-de-rosa, é o clube como eles gostam e querem ver. É só elogios, a gestão é fabulástica, os órgãos sociais são uns senhores.

Curioso como há uns anos quando contávamos e dávamos luta era só bota abaixo, o presidente era um bicho papão, era insultos diários, a gestão era apontada de todas as formas e feitios.

Albano

Do melhor. O Sporting agora é levado ao colo, porque os objectivos da actual direcção não colidem com os objectivos estratégicos do clube de regime, o benfica, antes pelo contrario, porque servem esses objectivos e interesses.

Leão Africano

A imprensa deixou de ser “jornalismo”, pelo menos da maneira enquanto o conhecíamos antigamente.

Agora os factos deixaram de ser importantes e passaram a ter opinião. Opinião essa que é moldada pelas agências de comunicação amigas, a quem pagam favores e vice versa.
Deixou de existir jornalismo na essência romântica do termo. Acabou.


Começou com os cursos expresso das Universidades Privadas, que os esvaziaram de valores e éticas e terminou no seu todo quando os grupos de comunicação passaram a ter donos e esses donos passaram a ter interesses e negócios.


Os jornalistas, muitos vezes porque querem ou recebem e muitas vezes porque não querem desagradar aos donos obedecem e prestam-se aquilo a que assistimos hoje em dia.
Vinganças, frases fora do contexto para enganar as pessoas, ódios pessoais, especulação, “fake news” , etc. Tudo em nome dos interesses económicos e pessoais e das audiências.


Assim sendo o “jornalismo” é uma palavra que já não devia existir, porque os poucos que ainda o tentam fazer sentem-se envergonhados.

Siberianwyvern

Esta direcção é abordada com uma amabilidade acrítica que roça o escárnio aos leitores/consumidores. Não informam: fazem propaganda, mesmo sabendo que muitas vezes o que é dito/escrito é mentira.

A imprensa demitiu-se por completo do tom crítico que se viu desde o dia um da anterior administração, que cedo adquiriu contornos persecutórios para quem se recorda. Se recuarmos a Godinho Lopes ou Bettencourt, até o nível de rigor era superior, e os filtros eram mais finos.


A explicação seria extensa (agências de comunicação; controlo e concentração por grandes grupos liderados por nomes transversais, um desastre; amizades de longa data com o segmento notável, que nunca perdeu peso no meio; encomenda de peças; fornecimento de informação interna; satisfação do clube rival, que possui na CS “aquilo” – não sei como qualificar – que conhecemos por via dos e-mails), por isso fico-me por esta constatação facilmente verificável através de um exercício de memória ou uma consulta exaustiva de arquivos.
3 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Von

A estupenda direcção do dr. Frederico Varandas através da classe. e glamour só ao nível dos eleitos por um carisma transcendente consegui ,que o SCP passa-se a ser respeitado e temido pela imprensa de todo o mundo agora , ao contrário dos tempos do ” ordinário ” e mal criado BDC o SCP tem voz em distintos meios de CS como a latrina do grupo COFINA ,e palavras sempre de respeito de grandes nomes da imprensa como : o senil Ribeiro Cristóvão , o bacalhau a Brás famoso cartilheiro da lampionagem sem esquecer outros nomes como o apagado presidente do… Ler mais »

Neca Pinto

Claramente que este Sporting débil interessa a quem detém o poder. Daí a proteção da intoxicação social.

José Marques

Ou serei analfabeto e não sei ler ou então de chegar à conclusão que todos são BdC, porém, SCP é SCP e contra isso…