RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Domingo, Maio 31, 2020

Neste dia, em 1983, Carlos Lopes bate o Recorde da Europa da Maratona


Com 35 anos de idade Carlos Lopes resolveu apostar na Maratona.

A sua primeira experiência aconteceu em Nova Iorque em Outubro de 1982, mas desistiu por volta dos 37 quilómetros, quando o 3º lugar atrás dos grandes especialistas Alberto Salazar e Rodolfo Gomez, parecia assegurado, no entanto foi atraiçoado por um surto de cãibras que o impediram de continuar, talvez porque ainda não estivesse suficientemente preparado.

Mas Lopes não desanimou, antes pelo contrário pois tinha-se sentido muito bem em Nova Iorque, e assim em 9 de Abril de 1983 lá estava ele na Maratona de Roterdão a competir com o americano Alberto Salazar e o australiano Robert de Castella, detentores das melhores marcas mundiais de sempre, sem esquecer o mexicano Rodolfo Gomez, outro figurão da altura.

Um grupo de oito corredores colocou-se desde muito cedo na frente da corrida, mas pouco a pouco foram todos cedendo, até que aos 38 quilómetros Lopes e Castella ficaram sozinhos na liderança, impondo um andamento cada vez mais forte (14.47 entre os 35 e os 40 km e 6.17 para os últimos 2195 metros).

O australiano acabou por ganhar ao sprint com apenas 2 segundos de vantagem sobre Carlos Lopes, que estabeleceu um novo Recorde da Europa com o tempo de 2,08,39h, sucedendo ao holandês Gerard Nijboer, detentor da marca de 2,09,01h desde a Maratona de Amesterdão de 1980.

Apesar disso o nosso grande Campeão não ficou totalmente satisfeito, afirmando que se tinha sentido mais à vontade em Nova Iorque e dizendo estar convencido de que era capaz de fazer melhor, prometendo atacar o Recorde do Mundo que pertencia a Alberto Salazar desde 1981, com o tempo de 2,08,12h, realizado na Maratona de Nova Iorque.

Fonte: wikisporting.com

Data: 09/04/1983
Local: Maratona de Roterdão
Evento: Record da Europa para Carlos Lopes

Artigos relacionados

Subscreva
Notify of
guest

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
0
Partilhe a sua opinião!x
()
x