RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Quinta-feira, Março 04, 2021

Sporting 1-0 Benfica (16ª Jornada da Liga NOS)

Estádio José Alvalade, 1 de Fevereiro de 2021

O jogo começou bem, ambas as equipas a entrarem com sistemas táticos muito parecidos, ambas as equipa a entrarem com três centrais, o que trazia algumas dúvidas sobre a forma como o Benfica se iria organizar no terreno.

A primeira oportunidade do jogo, surgiu para o Benfica, passe de trivela de Rafa para Pizzi, o mesmo rematou rasteiro e ao lado da baliza de Ádan.

Jogo muito equilibrado, ambas as equipas iam tentando chegar às áreas contrárias, o Sporting foi tentando sempre jogar na profundidade, sempre a procurar as costas da defesa do Benfica na procura de Tiago Tomás, jogo bem disputado a nível do meio campo mas com o Benfica a levar a melhor.

Dérbi sem adeptos não tem a mesma emoção.

Primeiro remate da turma de Alvalade apenas saiu aos 31 minutos, passe de Porro, Pedro Gonçalves conseguiu rececionar mas rematou muito por cima da baliza do Benfica.

40 minutos de jogo, canto para o Sporting, Tiago Tomás tentou cabecear a bola, mas é Neto que ao segundo poste, teve na cabeça a chance de o Sporting passar para a frente do marcador mesmo antes do intervalo.

A primeira parte finalizou em Alvalade com 0-0.

Recomeço da partida com um remate muito perigoso de Darwin, e logo a seguir grande jogada do Sporting, e remate de Pedro Gonçalves que acertou em Weigl.

O jogo recomeçou melhor, com a equipa do Benfica a entrar com outra atitude e a tentar colocar mais velocidade, o Sporting a conseguir colocar muitas bolas na área mas sem remates á baliza, um jogo muito interessante na segunda parte.

Poucos ataques de perigo eminente, as equipas a encaixarem bem uma na outra, mas o Sporting desde os 55 minutos que ia conseguindo ter mais posse de bola.

Jogo muito dividido aos 70 minutos.

O jogo no início da segunda parte deu indícios de uma melhoria, mas acabou a ser igual à primeira, lento, sem ideias, posso até dizer que pareceu um jogo de Solteiros contra Casados em certas alturas do jogo.

80 Minutos João Palhinha quase fez golo para o Sporting, Tabata cruzou, a defesa do Benfica cortou a bola, sobra para Palhinha, o mesmo rematou com muita força a bola saiu perto do poste da baliza do Benfica.

Foi preciso esperar 92 minutos para o leão rugir, golo de Matheus Nunes, depois de um cruzamento de Pedro Porro e uma defesa incompleta de Odisseyas, de cabeça Matheus Nunes marca, e dá o golo da vitoria à equipa Leonina.

Notas:

Sporting – Superior na segunda parte, se houvesse um vencedor só podia ser a equipa da casa.

Na primeira parte jogo muito repartido, mas com uma grande oportunidade para Neto que escandalosamente falhou o golo, o Sporting teve muito mais garra que a equipa do Benfica, uma equipa de milhões de um lado contra uma equipa de “meninos” do outro, mas no fim quem sorriu foram os meninos.

Três principais destaques – Matheus Nunes, Coates e Tiago Tomás

Benfica – Jogou com pouca alma, e pouca garra. Os milhões de investimento estão a demonstrar até ao momento milhões de prejuízo.

Artigos relacionados