RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Domingo, Novembro 17, 2019

Run Frederico, run!

Impressionante o que se vive hoje em dia no Sporting. Andámos anos a «levar» com tantas queixas de notáveis, grupos, comentadores, blogguers sobre o anterior presidente – acusado de ditador, «coreano», prepotente, arrogante – e o actual está a revelar-se muito pior do que a encomenda.

A arrogância e a prepotência. O estar absolutamente convencido que tudo o que faz, faz bem e que está numa “missão”. «Missão» que pensava ser tão fácil como quando esteve no deserto a ouvir um relato de rádio. A sua luta diária tem um único objectivo: passar uma imagem de «pulso» de forma a apagar a inicial, de marioneta e frouxo, comandado por Rogério Alves e por outros que o «escolherem» para ser a cara daquele que foi um golpe de estado ao SCP.

Primeiro, a revolta era contra os «brunistas». Depois, vieram os esqueletos. Agora juntam-se os GOA. É Frederico Varandas contra o mundo. Está convencido que nada nem ninguém o vai impedir de levar a cabo esta «missão» que, na cabeça dele, é a de recuperar da enorme herança pesada (?), utilizando-se dos acontecimentos de Alcochete a cada intervenção que faz, na esperança de manter viva uma narrativa que só a ele – e aos que o puseram lá – interessa.

Esta direcção não tem a mínima inteligência para perceber que já não são os «brunistas» a contestar, apesar de terem eco de toda a Comunicação Social – que agora é amiga, ou não tivéssemos o Dr. Coragem à frente dos destinos do Clube. Não são apenas os agora tão cobiçados 30% a reclamar. A contestação aumenta de dia para dia, em todos os quadrantes. E não conseguem ver o que está à frente do seu nariz. Pior: em vez de entenderem e mudar o rumo, fazem) cada vez pior, num braço de ferro que não podem, com toda a certeza ganhar. A guerra aberta aos GOA é a prova viva de tal facto.

Com tudo isto, o Sporting está cada vez mais à deriva. E a areia que nos atiram para os olhos diariamente, com a ajuda dessa mesma a CS amiga, é cada vez em maior quantidade.

Se eu ainda acreditasse no Pai Natal diria que estava na altura de se deixarem de merdas, de serem homens, honrarem o nome do Sporting Clube de Portugal e cumprirem o que prometeram. Mas temo que seja tarde demais e que a intenção nunca foi verdadeiramente essa. Frederico Varandas está numa corrida contra o tempo. São argoladas em catadupa. A maior de todas? O fracasso no futebol. Para um presidente que chamou a si toda a responsabilidade do futebol, está à vista o resultado que deu.

Artigos relacionados

Notify of
GreenMarquis
Visitante
GreenMarquis

O fivelas sofre do mesmo mal do Brexit. Durante anos tudo de mau que acontecia no UK era “culpa da UE”, tudo de bom era obra dos pobres ingleses (nem sequer contavam com os restantes paises que andam a ser subjugados aos ingleses). Depois foram ao referendo, cheio de mentiras, e ficaram admirados que as pessoas votaram para sair…. mas nessa altura já era tarde. A saida deixou de ser uma desculpa e passou a ser obrigatória. E nesse momento os Governos comecaram a cair, porque ninguem quer ficar ligado a esta catastrofe sem igual na historia inglesa. Eventualmente levará… Read more »

Neca Pinto
Visitante
Neca Pinto

Nunca pensei ver o Clube tão fracturado, tão dividido. A cada dia que passa fica pior.
E ao contrário do que prometeram e do que deveria ser feito, cada vez mais esta direcção contribui para a desunião.
Chego a pensar que isto é propositado e que obedece a uma qualquer estratégia obscura.
Não vejo quaisquer sinais de inversão de marcha. Está visto que eles não vão mudar a sua postura. Ou esta gente sai do clube ou estamos condenados a cair num fosso de onde será muito difícil sair.

Paulo Vieira
Visitante
Paulo Vieira

Frederico Varandas é um merda!

Peyroteo
Visitante
Rei Leão

Chegará o tempo em que não haverá em quem pôr a culpa. Se nessa altura ainda houver solução veremos o que pensarão os sócios.