RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Quinta-feira, Agosto 06, 2020

Neste dia… em 2011, Diego Capel apresentado como o sucessor de Futre

Capel foi apresentado oficialmente. O extremo esquerdo espanhol ficou honrado com a comparação com Paulo Futre

FOTO: Mário Cruz / Lusa

Alguns espanhóis bem se esforçam – outros nem sequer tentam -, mas nunca tiveram muito jeito para línguas. Experimente ver televisão em Espanha e imagine o pesadelo durar vários anos. O célebre “are you talkin” to me?” de Robert de Niro em “Taxi Driver” passa a “¿hablas conmigo?” com a voz de um qualquer nuestro hermano; ou ouvir o provocador “eat my shorts”, de Bart Simpson, transformado num ridículo “cómete mis calzoncillos”. Ontem Diego Capel bem tentou mudar esse estereótipo sobre os espanhóis no final da sua apresentação aos jornalistas. “O leão vai volver a rugir, força Sporting”, disse. Ao poste! Volver também significa voltar, mas em português ninguém o utiliza numa frase como essa.

É notório que Diego Capel quer entrar com o pé direito em Alvalade. Ou, no seu caso, com o esquerdo, aquele que lhe permite fintar adversários e arrancar com tal rapidez que o comparam com Paulo Futre: “Para mim é uma honra ser comparado com um jogador emblemático, que fez tanto em Portugal.” E em Espanha, dizemos nós. Aos 23 anos, Capel faz o percurso inverso e troca o Sevilha pelo Sporting, onde já é o associado número 90 732. “Sabia que esta temporada era muito importante para mim. Estou muito feliz por estar num clube tão histórico como o Sporting. É uma mudança radical, mas este projecto é muito ambicioso”, destacou o novo número 11 leonino.

O extremo esquerdo assinou por cinco anos e ficou blindado por uma cláusula de rescisão de 30 milhões de euros. Na próxima semana os sócios já deverão poder vê-lo no jogo de apresentação, em Alvalade, contra o Valencia. “Tenho muita vontade de começar a trabalhar com ele [Domingos Paciência] e retribuir toda a confiança que depositaram em mim. Quero dar-lhe todo o meu futebol”, expressou o jovem internacional espanhol, que custou 3,5 milhões de euros ao clube lisboeta.

Apesar de o plantel estar praticamente definido, Carlos Freitas não fechou a porta a algum negócio de última hora. “Até 31 de Agosto é obrigatório estar desperto para qualquer boa oportunidade de entrada e saída”, garantiu o director de futebol leonino.

Quase a sério Esta madrugada (0h00, RTP1), o Sporting tem o primeiro teste a doer da pré-temporada. Depois dos jogos contra Alta de Lisboa, FC Presikhaaf, Telstar e Ankaraguçu, a equipa de Domingos Paciência defronta a Juventus. O conjunto transalpino já não é a temível máquina da década de 90, mas Pirlo, Del Piero ou Luca Toni serão um bom teste para a defesa imbatível do Sporting neste início de temporada. Vai ser a quarta vez que os clubes centenários se encontram. O primeiro jogo foi no longínquo ano de 1952, na Taça Latina, que marcou a primeira e única vitória dos bianconeri sobre os leões, no Parque dos Príncipes, em Paris (3-2). Depois dois particulares com triunfos do Sporting: 1-0, em Alvalade (1994, golo de Juskowiak) e 0-1 no Delle Alpi (1995, Sá Pinto).

Fonte: ionline.pt

Data: 23/07/2011
Local: Estádio José Alvalade
Evento: Apresentação de Diego Capel

Artigos relacionados

Subscreva
Notify of
guest

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
0
Partilhe a sua opinião!x
()
x