RUGIDO VERDE

Levantar e levantar de novo, até que os cordeiros se tornem Leões!

Sábado, Setembro 19, 2020

No Sporting a Democracia está Suspensa

O Rio Ave FC vai realizar uma Assembleia Geral Ordinária, no dia 20 de Setembro para apresentação, discussão e votação do Plano de Actividades e Orçamento, e onde poderão ser abordados outros assuntos da vida do clube que os sócios acharem relevantes. E pasme-se, até terão direito a um ponto da ordem de trabalhos para a leitura e aprovação da ata da última reunião da Assembleia Geral, coisa que desde a Assembleia de destituição de 23/06/2018, por opção do novo Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Rogério Alves, em clara violação dos estatutos e do regulamento, nunca mais aconteceu no Sporting CP.

Link para o comunicado do Rio Ave sobre a realização da AG

Os vilacondenses vão utilizar o seu Estádio para a realização da Assembleia, com tudo preparado e de acordo com as medidas já indicadas e aprovadas pelas autoridades de saúde locais. Vai ser obrigatório o uso de máscara tanto no interior estádio, como nos espaços limítrofes, com o respeito pelas regras de distanciamento social e a proibição de aglomerados de associados.

Comunicado do Sporting CP – 14/09/2020

Nos últimos dias (14 de Setembro) em comunicado no site do clube, fomos informados que o Sporting CP vai marcar para 26 de Setembro a sua Assembleia Geral.

Mas ficámos também a saber que será exclusivamente para votação do Orçamento para 20/21 e das Contas da época anterior, que já deviam ter sido apresentadas, de acordo com os estatutos, até final de Junho, mas os dirigentes do Sporting ao contrário da maioria dos outros clubes, que realizaram as suas Assembleias, aproveitaram a prerrogativa governamental, que permitiu estender o prazo até Setembro devido à pandemia.

Os actuais Órgãos Sociais tiveram todo o Verão (meses de baixa incidência do vírus ) para marcar a AG, em vez disso, esperaram até ao limite de tempo permitido já próximo de uma altura de início de segunda vaga, para mais uma vez se escudarem em desculpas (desta vez é a pandemia, mas quando não é a pandemia é a herança pesada) e preparam-se outra vez para não dar voz aos sócios, evitando a participação e escrutínio destes nos assuntos da vida do clube. Tudo muito conveniente.

Estatutos do SCP – Direitos dos sócios nas AGs


O Sporting CP tem um estádio com capacidade para 50 mil espectadores, tudo com lugares sentados, e tirando as Assembleia Gerais Eleitorais, nos últimos anos nunca estiveram mais de 6/7 mil sócios em AGs. Portanto, existem todas as condições para albergar os sócios e realizar uma Assembleia Geral de acordo com os estatutos, de acordo com os princípios democráticos de participação na vida do clube e cumprir com as regras de segurança e da autoridade de Saúde, tal como o Rio Ave vai fazer.

O Sporting só não faz se não quiser, não venham com desculpas esfarrapadas do Covid.

Um CD que foge dos sócios, que os teme, há muito que perdeu a legitimidade.

Artigos relacionados

Subscreva
Notify of
guest

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
0
Partilhe a sua opinião!x
()
x